REVISTA BICICLETA - A temporada perfeita de Rachel Atherton
Divulgue sua marca aqui!
Pneus Kenda

O Portal
da Bicicleta

SHIMANO
Revista Bicicleta - Edição 79

Leia

Revista
Bicicleta



Notícias

A temporada perfeita de Rachel Atherton

Por Trek
642 visualizações

A temporada perfeita de Rachel Atherton
Foto: pb/Matthew Delorme

Em seu primeiro ano com a Trek Factory Racing Downhill, Rachel Atherton conseguiu algo inimaginável. Ela ganhou cada evento da Copa do Mundo UCI e o Campeonato Mundial, alcançando a primeira temporada perfeita da história da Copa do Mundo de mountain bike.

É um feito tão excepcional que pode nunca ser repetido. O mountain bike, e o downhill em particular, é um esporte com tomada de decisões imediatas e com consequências reais. As corridas são ganhas e perdidas em milissegundos, e um erro de cálculo pode ser a diferença entre o primeiro lugar e não terminar o percurso. Para ganhar uma única corrida no mais alto nível, tudo deve acontecer de forma perfeita. Cada linha deve ser perfeitamente executada, a bicicleta deve estar impecável e, o mais importante, o atleta deve estar em sua melhor forma. Estas variáveis são o que tornam as vitórias consecutivas tão raras e notáveis. Porém, Rachel ganhou quatorze em sequência.

Sua passagem perfeita pela temporada foi longa e cheia de desafios - incluindo um acidente durante uma corrida de treinamento que quase acabou com sua carreira, bem como períodos conturbados com problemas de saúde e lesões que atrapalharam seus sonhos em temporadas passadas, mas Rachel entrou em 2016 no topo, vestindo as listras do arco-íris na camiseta do Campeonato Mundial depois de ganhar o primeiro lugar no pódio em seis eventos consecutivos em 2015.

Para Rachel, isso não acontecia até sua terceira vitória em 2016, em sua cidade natal, parada em Fort William, onde empatou a série histórica de nove vitórias estabelecida por Anne-Caroline Chausson, e a conversa de quebrar recordes passou de boato a possibilidade real.

Em meio à conversa sobre uma série histórica, Rachel não alcançou o hype levando ao próximo evento da Copa do Mundo em Leogang. "Você está tão concentrada em cada corrida", ela explica, "que você nem sequer pensa nisso".

Talvez tenha sido esse foco que lhe permitiu conquistar a décima vitória consecutiva, a décima primeira em Lenzerheide, a décima segunda e a décima terceira nas duas últimas corridas em Mont Sainte Anne e Vallnord.

Liderando o Campeonato Mundial em Val di Sole, a possibilidade de uma temporada perfeita já estava, pela primeira vez, ao seu alcance. "Eu pensava nisso à noite em silêncio", admite, "e o que isso significaria, se fosse possível".

 Então... o que isso significaria? Para Rachel, isso significaria realizar algo que nunca havia sido feito antes no ciclismo masculino nem feminino.  Ela ganharia um lugar permanente entre os maiores atletas de todos os tempos. Mas para o esporte de mountain bike, especialmente para o  mountain bike feminino, isso significaria algo bem maior. Isso significaria que o mundo veria que uma proeza, já considerada muito difícil de  alcançar, era possível. Significaria que o impossível era possível.

 "Chegando no Campeonato Mundial", disse ela, "eu queria muito vencer". E foi exatamente isso que ela fez. À medida que a poeira da linha de  chegada ia desaparecendo, a realidade da realização de Rachel brilhava através de um spray de champanhe. Ela tinha alcançado o inalcançável.

 Uma temporada perfeita, Rachel sabe disso, não é ganha por uma única pessoa. Ela explica que essa vitória pertence a todos que a apoiaram.  Todos — seus irmãos e seu pai, seus gerentes e mecânicos, sua nova equipe que a apoia em uma nova corrida, seus fãs e todos que  testemunharam sua histórica temporada perfeita — fizeram parte dela. E isso pode ser a parte mais perfeita de tudo: as noites calmas de reflexão  passadas sozinha agora dão lugar à celebração coletiva e à satisfação de uma vitória que tem mostrado a muitas pessoas que elas também  podem alcançar o inalcançável.

Curtiu esse post?

Quer receber mais conteúdo sobre bicicleta e ciclismo em sua casa? Então clique aqui conheça nossas ofertas de assinatura.

Comentários Facebook
Comentários
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Para postar seu comentário faça seu login abaixo.

E-mail
Senha

 

Cadastre-se Aqui | Esqueceu a senha?

Edições On-lineCadastre-se Esqueceu a senha?
E-mail
Senha
Revista Bicicleta 2012 © Todos os Direitos Reservados