REVISTA BICICLETA - 400 km pra refletir... mais que isto, para superar!
Baixe Gratuitamente a Edição Digital de Maio - Junho 2017 da Revista Bicicleta!
Pneus Kenda

O Portal
da Bicicleta

SHIMANO
Revista Bicicleta - Edição 78

Leia

Revista
Bicicleta



Notícias

400 km pra refletir... mais que isto, para superar!

1.562 visualizações

400 km pra refletir... mais que isto, para superar!
Foto: Roberto Furtado

 O brevet 400 km da Sociedade Audax de Ciclismo aconteceu nos dias 8 e 9 de julho de 2017. No dia 08, sábado, estive com eles para registrar alguns momentos do trajeto entre Taquara e Santo Antônio da Patrulha. A RS-471, se apresenta uma ótima rodovia para ciclistas, com bons cenários e acostamento relativamente bom em quase todos os trechos. Depois desta prova, com alguns novatos em 400 km, temos um novo grupo de ciclistas de longa distância.

Superar... lá vamos nós!

Não posso deixar de pensar em certas coisas... e estou lutando para superar alguns pensamentos, da mesma forma que estes meus amigos, ciclistas da longa distância. Cada um faz a vida do jeito que sabe, pode, acredita... eu, me tornei um superador de obstáculos quando passei por situações críticas. A morte do meu avô, por afogamento, como já contei uma vez em um dos meus textos do Diário do Andarilho, outro blog que mantenho e que não tem ligação com a bicicleta. Em 2011, caí numa prova de voluntário... na parceria de Ricardo Fabrício, superei 130 km do audax 200km e a luxação de clavícula, tipo três, que me tirou da bicicleta por um ano. Eu superei... pedalei 130 km arrebentado, motivado por um audax 300 km que havia ficado entalado na garganta por ter feito 220 km e então ter desistido por dores no joelho direito. Nós perdemos um ciclista numa prova... não tem cicatriz que se esconda quando perdemos um de nós, mesmo que não fosse meu amigo pessoal! Eu sabia que ele era amigo de amigos, um dos nossos, pai de família e, um representante da longa estrada. Não dá pra engolir sem engasgar... mas vamos superar! Pensei em desistir... deixar de fotografar as provas. Ninki não deixou... minha terapeuta, me incentivou a enfrentar. É duro... muito! A simbologia da perda, em alguns momentos, parece maior que qualquer causa... mas eu acho que se Renato pudesse responder, teria se decepcionado comigo quando pensei em desistir. Então, levantei da cadeira, empunhei a câmera com força e fui pra estrada pra clicar meus ídolos. Cada dia que passa... amo mais estes caras, homens, mulheres, de todas as idades, que devoram km e pregam seu esporte como se fosse uma causa... e é uma causa! Uma causa de paz! A violência esta ao volante... assassino potencial é o motorista e o herói desta história, vivo ou morto, é e sempre será o ciclista. Motorista que respeita distância regulamentar, que usa o bom entendimento para conduzir o automóvel perto de pedestres e ciclistas é o herói que pode ter sido gerado pela bicicleta. Pode... talvez! Não esqueçamos que toda causa e ação é contagiante quando bem intencionada! Eu acredito, por mim, pelos ciclistas, por Renato, por todos que se foram e por todos que continuam tentando mudar o mundo. Não vamos desistir de acreditar! Roda pra frente... Imagens no link abaixo.

Curtiu esse post?

Quer receber mais conteúdo sobre bicicleta e ciclismo em sua casa? Então clique aqui conheça nossas ofertas de assinatura.

Comentários Facebook
Comentários
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Para postar seu comentário faça seu login abaixo.

E-mail
Senha

 

Cadastre-se Aqui | Esqueceu a senha?

Edições On-lineCadastre-se Esqueceu a senha?
E-mail
Senha
Revista Bicicleta 2012 © Todos os Direitos Reservados