REVISTA BICICLETA - Mito da bike 29 - Qual o tamanho ideal para você?
Baixe Gratuitamente a Edição Digital de Maio - Junho 2017 da Revista Bicicleta!
Pneus Kenda

O Portal
da Bicicleta

SHIMANO
Revista Bicicleta - Edição 76

Leia

Revista
Bicicleta



+bicicleta - Oficina

Mito da bike 29 - Qual o tamanho ideal para você?

Cansei de ver atletas e entusiastas montados em bikes 29 com tamanhos errados. Sinto uma dor na coluna só de ver.

Revista Bicicleta por Guiné
157.161 visualizações
25/11/2016
Mito da bike 29 - Qual o tamanho ideal para você?
Foto: Pedro Cury

O motivo deste artigo é mais um alerta do que a indicação perfeita de um quadro. O que vem acontecendo aqui no Brasil é algo abusivamente errado. Falta de informação é a principal causa disso. Por exemplo: sempre tem aquele que se acha especialista em bike fit. Mas para isso, ele deveria estudar anatomia ou fazer um curso especializado antes de dar "informações" ou tentar ajustar a bike mais detalhadamente para um ciclista. O que serve para você, muito dificilmente servirá para outro. Principalmente nas rodas gigantes, completamente diferentes das 26”.

Teoria Básica da Troca de Quadro: 26x29

Não tem nenhum mistério, mas muitos usuários ainda têm dúvidas de quando vão fazer a migração e trocar de bicicleta. Se você tem uma bike 26 que o tamanho do quadro é 18”, logicamente você vai usar o mesmo para uma bike 29. Não é porque a roda é maior três polegadas (em alguns casos, a diferença não chega a isso) que o ciclista precisa diminuir o tamanho. Mas no final das contas, pode surgir uma pequena possibilidade do quadro ser menor ou maior, sim, e o usuário usar outra medida. Parece confuso e contraditório, mas o uso de um tamanho de quadro maior na bike 29 do que no da 26 pode ser melhor para certos ciclistas.

Não são todos os fabricantes que fazem todas as medidas iguais. Cada um tem o seu segredo e combinação (apresentação), mas ainda tem fabricante fazendo bikes 29” erradamente. Muitos ainda usam moldes e geometrias de 26, que comprometem em todos os aspectos: rendimento, dores no corpo etc.

História das Bikes 29 em Relação aos Quadros

Quando as bikes 29 surgiram há mais de 15 anos, através dos famosos frames builers (especialistas ou criadores de quadros “caseiros”), a demanda era mínima. Aos poucos foram crescendo os adeptos e as produções,  surgindo as primeiras montadoras e marcas específicas. Muitos destes quadros tinham as construções corretas pelo simples fato de seguirem o padrão de uma mountain bike tradicional: medições e reforços de acordo com a tubulação e espessura.

Muitos gastos e dor de cabeça até chegar na geometria correta fizeram parte do trabalho dos criadores e formadores de opinião. O famoso off set do garfo foi o principal deles. Depois, o centro de gravidade (e já tem marca famosa publicando balela). Medição entre eixos, angulação do seat tube, top tube e angulação da caixa de direção etc. Pronto, os diversos erros foram corrigidos, embora alguns fabricantes ainda não acharam a geometria perfeita. Enfim, a bike 29” não nasceu por agora.

Com o boom das bikes 29”, as famosas marcas de aro 26” não se deram ao luxo de pesquisar, medir e fazer testes com seus protótipos. Muitas delas só fizeram alongar o famoso JIG (gabarito de criação, montagem e soldagem de quadro). Resultado: tudo errado.  Mas mesmo assim, as bikes 29” invadiram o mercado.

Apenas com o alongamento atrás (seat stay e chain stay), estas bikes se transformaram em mutantes, fazendo com que os primeiros usuários – cobaias – tivessem uma experiência um pouco negativa em relação às mesmas. Por isso, até hoje os comentários ruins ficam na mente dos ciclistas. Pobres estes que ainda não pedalaram numa verdadeira 29”.

Problemas

Com o famoso “empurra-empurra” nas vendas, muitos ciclistas vêm usando bikes menores, ocasionando uma mesa maior ou canote super elevado. Resultado desta combinação? Tem que pedalar muito para saber.

Alongando apenas os tubos traseiros, as marcas não faziam as medições de forças aplicadas e variação das espessuras corretamente. Isso sem citar as outras partes que um quadro possui. “Oras bolas”,  a pressão e força de uma roda 29” é muito maior que uma bike 26”. Eis a resposta das trincas e quadros empenados (torcidos). Simples!

Mas o problema vai além! A distribuição errada do peso do ciclista sobre a bike causou diversas queixas de que a bike 29” não subia bem, não era boa em singletracks, era uma bike mais pesada para pedalar, não rendia etc. Tudo isso já foi desmentido e não precisa falar mais das qualidades das rodas gigantes.

Isso não é uma denúncia. É apenas um fato. Afinal, nenhum fabricante queria ficar atrás, por isso houve uma peregrinação prematura para as rodas gigantes por parte de muitas marcas conceituadas. Tenho que ressaltar que algumas delas atrasaram sua produção em série. Estas fizeram bem e seguraram até o momento certo da nova tendência explodir. Mas mesmo assim, ainda ficam fazendo quadros muito aquém dos famosos frame builders, os que estudam e quebram a cabeça para chegar na “geometria fantasia” de uma verdadeira bike 29”.

 

Curtiu esse post?

Quer receber mais conteúdo sobre bicicleta e ciclismo em sua casa? Então clique aqui conheça nossas ofertas de assinatura.

Comentários Facebook
Comentários
1 comentário.

Para postar seu comentário faça seu login abaixo.

E-mail
Senha

 

Cadastre-se Aqui | Esqueceu a senha?

GILMAR ROCHA

24/02/2013 às 15:51

BOA TARDE TD BEM?
PRATICO MTB JA HA ALGUNS ANOS(COMPETIÇÃO XC) E ESTOU PARADO HA 3ANOS.
ESTOU VOLTANDO AGORA E JA QUE AS 29ER PARECE QUE VÃO DOMINAR DE VEZ O MERCADO QUERIA VOLTAR NUMA 29ER.ASI AS DUVIDAS:ALGUNS FALAM Q DEVO DIMINUIR NO QUADRO OUTROS Q DEVO MANTER E ATE Q DEVO ALMENTAR NO TAMANHO.EU TENHO 1,70 E 65KG E TO QUERENDO PEGAR O QUADRO VENZO DE CARBONO 29ER.
PODEM ME AJUDAR?
ESTAVO PEDALANDO NUMA BIKE C/ QUADRO MOSSO SPRINT 18"; SUSPA PROSHOC ULTRA TR80MM²; MESA DE 80MM²E 5°; GUIDÃO RETO;CANOTE ERA DA KCNC Q TEM UMA MEDIDA DE 1 HA 10 E EU USAVA NA 3,5; O SELIM FSA FICAVA NA MEDIDA MAXIMA P/ TRAZ,NIVELADO(SEM GRAU)E NA MSM AULTURA DO GUIDÃO;O PÉ DE VELA ERA 175MM² E A RELAÇÃO 2X9(44/22X34X11)A BIKE PESAVA +OU- 9,5 HA 10 DEPENDENDO DO PNEU USADO.
Edições On-lineCadastre-se Esqueceu a senha?
E-mail
Senha
Revista Bicicleta 2012 © Todos os Direitos Reservados