REVISTA BICICLETA - Dez dicas para ser um empreendedor criativo
THE POWER OF THE PRO
Pneus Kenda

O Portal
da Bicicleta

Bicicleta Sense a partir de R$ 2.765,00!
Revista Bicicleta - Edição 67

Assine

Revista Física
Revista Virtual



+bicicleta - Ideias

Dez dicas para ser um empreendedor criativo

Veja 10 dicas para ser criativo e firmar o seu empreendimento no mercado.

Revista Bicicleta por Anderson Ricardo Schörner
41.259 visualizações
30/11/2012
Dez dicas para ser um empreendedor criativo
Foto: Thinkstock

Há várias características que fazem parte da personalidade empreendedora. Se você tem uma bicicletaria, distribuidora ou fábrica de bicicletas e acessórios, já percebeu que muitas situações exigem autoconfiança, foco, comprometimento, liderança, organização, visão etc.

Mas cada uma dessas características depende de outra ainda mais importante: a criatividade.

1 - Substitua o medo do desconhecido por curiosidade

Esse é o primeiro aprendizado que a bicicleta proporciona. Lembra quando você aprendeu a andar de bike? Para uma criança, equilibrar-se em apenas duas rodas era algo que dava muito medo, mas crianças são curiosas e isso falou mais alto: mesmo caindo algumas vezes, você tinha mais curiosidade por sentir aquela sensação de pedalar, do que o medo de não saber como fazer isso. No mundo dos negócios, isso é fundamental para seguir adiante e não parar no tempo.

2 - Simplicidade é a maior forma de sofisticação

Os protótipos de veículos a propulsão humana datam dos anos 1800. Vários deles eram a ideia básica da bicicleta: um quadro e duas rodas. Tanta coisa mudou e hoje a maioria dos veículos não depende mais do equilíbrio, nem da propulsão humana, além de alcançar velocidades incompatíveis com a nossa capacidade. O resultado? Estamos resgatando as bicicletas, porque sofisticação, hoje, é ser o mais simples possível. No seu empreendimento, não complique as coisas: todos querem simplicidade.

3 - Pessoas apaixonadas são pessoas apaixonantes

Acordar às 5 horas de uma manhã chuvosa de domingo para pedalar algumas dezenas de quilômetros e contar isso para os amigos com aquela felicidade e uma pitada de orgulho: isso se chama paixão. E é inevitável que, quem ouve a história, sinta-se também curioso e apaixonado por aquilo. Você, que é empresário do ramo ciclístico: com que paixão tem falado do seu produto?

4 - As melhores coisas da vida não são "coisas"

O que as pessoas querem são sensações, experiências e contato com outras pessoas. Quando o seu cliente chega em sua bicicletaria para comprar uma bike, ele está em busca disso. Ao invés de tentar "empurrar" o produto através de ufanismos, ao invés de tentar convencer o seu cliente de que o produto vai ser a melhor coisa da vida dele, explore as sensações que o produto irá oferecer, as experiências que irá proporcionar e, em especial, as oportunidades de sociabilidade que só a bicicleta têm enquanto meio de transporte ou lazer.

5 - Face a book (encare um livro)

Quer prosperar em seu negócio? Informe-se. Enquanto empreendedor, você precisa entender de bicicleta, mergulhar na cultura do ciclismo e entender como o mercado funciona, quem são e como se comportam os seus clientes. Não precisa abrir mão do Facebook e de outras redes sociais - ter muitos contatos também é bom para o seu negócio, mas cuidado para não perder muito tempo com isso e esquecer de buscar informação de verdade.

6 - Faça coisas interessantes que coisas interessantes acontecerão para você

Seja criativo na forma de atender o seu cliente, no momento de fazer o marketing da sua marca, na composição da sua loja e até mesmo na apresentação da sua vitrine. Faça coisas interessantes que encante as pessoas e o retorno será garantido.

7 - Inspiração existe, mas ela tem que achar você trabalhando

Não caia na armadilha de achar que as coisas irão acontecer por conta própria, que o progresso do seu negócio vai cair do céu. Nada acontece por acaso. As histórias mais fantásticas de inovação em produtos e serviços são contadas de uma forma miraculosa: parece que aqueles empreendedores simplesmente tiveram a inspiração e tudo aconteceu depois disso. Mas para ter aquela inspiração, eles estavam envolvidos com o seu negócio, atentos ao mercado e às necessidades dos seus clientes.

8 - O cara que é legal com você mas não é legal com o garçom, não é um cara legal

Quando você está à frente de um empreendimento, torna-se mais visado em sua conduta. A sociedade quer saber como você age, se é uma pessoa confiável e ética. Então, seja você mesmo, não tenha duas caras. Seja gentil com todos, não apenas com os possíveis grandes clientes. Procure ser um empresário engajado em causas sociais, com atitudes sustentáveis, equilibrado em suas decisões e simpático no comportamento. É a melhor propaganda que poderá fazer do seu negócio e não custa nenhum tostão.

9 - Não olhe para o lado. Olhe para a frente

Éoutra lição que vem da bicicleta. Se você se distrai muito e fica mais preocupado em olhar para os outros ciclistas ao seu lado, não vai ver o buraco ou a curva à sua frente. O resultado pode ser uma queda bem dolorosa. O mesmo acontece no seu negócio. Acompanhe a concorrência e fique de olho no mercado, mas mantenha o foco à frente, nas tendências e nas verdadeiras necessidades do seu cliente. Não cresça através do demérito dos outros, cresça com os seus méritos.

10 - Tenha um plano estratégico chamado "fazer coisas"

Quem seria Gary Fisher, se ele não tivesse decidido descer as montanhas de Marin, na Califórnia? Se ele tivesse esperado nascer bicicletas de downhill para fazer isso? Quem seria Bob Haro, se ele não tivesse criado manobras de BMX Freestyle? Se você quer seguir adiante com o seu empreendimento, ou quem sabe abrir o seu negócio próprio no ramo da bicicleta, não passe a vida inteira planejando. Entre em ação, faça o seu sonho virar realidade. Todos somos capazes.

Lembre-se da seguinte frase de Albert Einstein, uma das pessoas mais criativas que já pisou a terra: "todos somos gênios. Mas se você julgar um peixe pela habilidade de subir numa árvore, ele vai viver a vida inteira acreditando que é estúpido". Procure entender qual é a sua habilidade e invista nela. Só não se acomode: seja criativo e faça as coisas acontecerem.

Curtiu esse post?

Quer receber mais conteúdo sobre bicicleta e ciclismo em sua casa? Então clique aqui conheça nossas ofertas de assinatura.

Comentários Facebook
Comentários
Nenhum comentário. Seja o primeiro a comentar.

Para postar seu comentário faça seu login abaixo.

E-mail
Senha

 

Cadastre-se Aqui | Esqueceu a senha?

Edições On-lineCadastre-se Esqueceu a senha?
E-mail
Senha
Vídeos

 

 

Para fechar o banner, clique aqui ou tecle Esc.

Revista Bicicleta 2012 © Todos os Direitos Reservados